Aposentados já podem consultar valor da primeira parcela do 13º

Desde esta quinta-feira (23), aposentados e pensionistas podem consultar o valor da primeira parcela do 13º salário. A informação é do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). O dinheiro virá junto com a remuneração de agosto, que entra na conta dos segurados entre os dias 27 deste mês e 10 de setembro.

A consulta ao extrato pode ser feita pelo site Meu INSS, no item Histórico de Crédito do Benefício. Na barra à esquerda, clique no link “Histórico de Crédito de Benefício (CNIS)”. É necessário cadastrar senha para o portal de serviços do instituto (veja  abaixo como fazer). Caso o segurado tenha dificuldades, é possível ter acesso ao extrato no banco de pagamento do benefício ou por meio da central telefônica 135.

Os depósitos seguem o modelo dos anos anteriores. Recebe primeiro quem ganha até um salário mínimo: nos últimos cinco dias úteis do mês referente ao pagamento. Nos primeiros cinco dias úteis do mês seguinte, setembro, ocorre o depósito para quem recebe acima de um salário mínimo.

Como determina a legislação, não há desconto de Imposto de Renda (IR) na primeira parcela paga a aposentados e pensionistas. Terão direito ao adiantamento cerca de 30 milhões de segurados em todo o Brasil, segundo o INSS, correspondendo a pagamento total de R$ 20,6 bilhões. Para conferir o dia de pagamento, os beneficiários podem usar o buscador abaixo indicando o último número do cartão de benefício (tire o dígito) e informando se recebe até um salário mínimo ou mais. O resultado mostrará o mês de referência à esquerda e a data do pagamento à direita.

Por lei, tem direito ao 13º quem, durante o ano, recebeu benefício previdenciário de aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente, auxílio-reclusão ou salário-maternidade. Aqueles que recebem benefícios assistenciais – Benefício de Prestação Continuada da Lei Orgânica da Assistência Social (BPC/LOAS) e Renda Mensal Vitalícia (RMV) – não têm direito ao 13º salário.

Fique atento ao valor

Mas é importante que os segurados fiquem atentos: nem todos receberão a exata metade do que ganham todo mês da Previdência Social. Quem já recebia o benefício em janeiro deste ano pode esperar 50% do valor, mas para aqueles que começaram a ter direito a partir de fevereiro, o valor é proporcional ao número de meses em que receberá a aposentadoria ou pensão até o fim do ano.

Como fazer o cadastro no Meu INSS

1. Acesso este site e, em seguida, clique em “Cadastre-se”.
2. Para fazer o cadastro, é preciso CPF, nome completo, data e local de nascimento e nome da mãe, para gerar um código de acesso provisório.
3. Responda as questões solicitadas para o cadastro.
4. Depois, o segurado deve fazer login com essa senha provisória.
5. Em seguida, aparecerá mensagem para que crie sua própria senha.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here